Provérbios 22

Meditação no Livro de Provérbios – Cap. 22

Vale mais ter um bom nome do que muitas riquezas; e o ser estimado é melhor do que a riqueza e o ouro.
O rico e o pobre se encontram; a todos o Senhor os fez.
O prudente prevê o mal, e esconde-se; mas os simples passam e acabam pagando.
O galardão da humildade e o temor do Senhor são riquezas, honra e vida.
Espinhos e laços há no caminho do perverso; o que guarda a sua alma retira-se para longe dele.
Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.
O rico domina sobre os pobres e o que toma emprestado é servo do que empresta.
O que semear a perversidade segará males; e com a vara da sua própria indignação será extinto.
O que vê com bons olhos será abençoado, porque dá do seu pão ao pobre.
Lança fora o escarnecedor, e se irá a contenda; e acabará a questão e a vergonha.
O que ama a pureza de coração, e é amável de lábios, será amigo do rei.
Os olhos do Senhor conservam o conhecimento, mas as palavras do iníquo ele transtornará.
Diz o preguiçoso: Um leão está lá fora; serei morto no meio das ruas.
Cova profunda é a boca das mulheres estranhas; aquele contra quem o Senhor se irar, cairá nela.
A estultícia está ligada ao coração da criança, mas a vara da correção a afugentará dela.
O que oprime ao pobre para se engrandecer a si mesmo, ou o que dá ao rico, certamente empobrecerá.
Inclina o teu ouvido e ouve as palavras dos sábios, e aplica o teu coração ao meu conhecimento.
Porque te será agradável se as guardares no teu íntimo, se aplicares todas elas aos teus lábios.
Para que a tua confiança esteja no Senhor, faço-te sabê-las hoje, a ti mesmo.
Porventura não te escrevi excelentes coisas, acerca de todo conselho e conhecimento,
Para fazer-te saber a certeza das palavras da verdade, e assim possas responder palavras de verdade aos que te consultarem?
Não roubes ao pobre, porque é pobre, nem atropeles na porta o aflito;
Porque o Senhor defenderá a sua causa em juízo, e aos que os roubam ele lhes tirará a vida.
Não sejas companheiro do homem briguento nem andes com o colérico,
Para que não aprendas as suas veredas, e tomes um laço para a tua alma.
Não estejas entre os que se comprometem, e entre os que ficam por fiadores de dívidas,
Pois se não tens com que pagar, deixarias que te tirassem até a tua cama de debaixo de ti?
Não removas os antigos limites que teus pais fizeram.
Viste o homem diligente na sua obra? Perante reis será posto; não permanecerá entre os de posição inferior.
Provérbios 22:1-29

 

“O galardão da humildade e o temor do Senhor são riquezas, e honra, e vida.” (Pv 22;4)
O que é mais fácil hoje em dia: uma pessoa ser humilde ou orgulhosa?
Com certeza, o orgulho é o que fala mais alto dentro de muitas pessoas e elas sempre lhes dão ouvidos. Isso porque muitos associam humildade com fraqueza e pensam que se forem humildes diante de uma situação saíram perdendo. Nesse versículo podemos dar o exemplo de José filho de Jacó, que além do coração bom que possuía, era humilde. E que tal falarmos do nosso Senhor Jesus que nos deixou o maior exemplo de humildade ao lavar os pés dos discípulos? Ele poderia nos ensinar a ser humildes somente com Suas palavras, mas Se fez um exemplo com uma atitude que ninguém esperava.

Se o próprio Senhor Jesus que tem todo Poder e Majestade nos ensinou a sermos humildes com Seus exemplos, porque nós simples seres humanos, iguais uns aos outros queremos ser melhores do que outra pessoa? Será o nosso orgulho maior do que o Senhor Jesus? Será que o nosso orgulho mostra a Presença de Deus em nossa vida? Com certeza não!
Nesse mundo quem é humilde é tachado como bobo, pois, deixa que outras pessoas pintem e bordem sobre eles, porém, humildade não é isso. Humildade é quando você não se considera melhor do que ninguém, quando ao ser repreendida aceita a repreensão sabendo que é para o seu próprio bem, quando ouvir um conselho de alguém mais experiente não se considerar mais sábia que essa pessoa e seguir o que lhe der na teia. É quando você contraria a sua vontade para seguir a de Deus. Quando se faz humilde para dizer: eu errei! Para esses a recompensa pode não vir de quem esperam, mas com certeza receberam uma valiosa recompensa de Deus. Os que são humildes e conservam o temor do Senhor em suas vidas possuem um galardão inestimável com Deus. Mais valiosos que o ouro e a prata é a Sabedoria e os que procedem humildemente a alcançam e por isso possuem uma riqueza de valor incomparável. Alcançam honra, pois, no momento em que decidem ser humildes, muitas vezes são envergonhados, humilhados e desprezados como foi o caso de José. José passou por tantas coisas em sua vida, mas nunca abandonou o temor do Senhor e sempre conservou a sua humildade mesmo quando essa parecia lhe prejudicar. Porém, o final da história de José é simplesmente glorioso, pois, ele foi honrado! Assim também acontece conosco quando procedemos com humildade, pode parecer que estamos nos colocando numa posição inferior de outra pessoa, ouvimos coisas difíceis de ouvir e a vontade de responder a altura é quase incontrolável, mas são nesses momentos que devemos permanecer caladas e lembrar da carroça vazia. Quem muito abre os lábios se arruína não é mesmo, então deixe falarem o que quiserem de você, a sua consciência limpa é o que importa. Lembram quando a mulher de Potifar levantou aquela mentira contra José? José poderia ter se justificado, ter batido e pé e desmenti-la, no entanto, confiou que Deus o iria justificar. Você teria essa confiança?
Os que andam no caminho de Deus procedem com humildade e por isso alcançam a vida. São justificados por Deus e honrados por Ele. Já os que ouvem a voz do diabo, e isso incluem muitos que estão na igreja mas não são humildes, são orgulhosos e não importa a situação sempre irão se justificar. Se possível for movem céus e terra para se justificarem, preferem ser honrados pelos homens do que confiarem em Deus, e por isso não terão recompensa alguma d’Ele.

“Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele.” (Pv 22;6)
Ensinar a criança não é apenas dizer a ela que o caminho bom é o que ela deve seguir e depois pensar que porque a ensinou então, é por ali que ela irá. Lembre-se desde o primeiro capítulo de Provérbios quantas vezes lemos repetidas vezes para guardarmos a Sabedoria, quantos conselhos, ensinamentos, direções enfim, e tudo isso ainda não é a garantia de que seremos pessoas sábias. É claro que após essas meditações ficará ainda mais nítido para cada uma de nós as atitudes sábias e néscias que viermos fazer, mas o que irá mesmo definir se seguiremos pelo caminho da Sabedoria ou não será as nossas decisões no dia a dia. Agora imagine o trabalho que deve ser feito de ensinar uma criança o caminho no qual ela deve andar? Com certeza não é um trabalho fácil, por isso, deve ser feito com muita sabedoria e entendimento que vem de Deus.

 

Fonte: http://perolascomsabedoria.blogspot.com.br/

Deixe uma resposta