Amado meu

Brilho de estrelas eu vejo

No seu olhar que me seduz

Seus olhos me fitam brilhantes

Neste profundo olhar azul.

A cor do céu encontra em ti

Ao paraíso me transporto beijando os lábios teus

O calor me envolve mente e corpo

Parece me lava de vulcão

Teu toque delicioso eu sinto

No deslisar de tua mão

No azul me vejo refletida com paixão

Seu abraço me envolve me transformando em chama

A doçura das carícias me toma o coração

Não sei se sai de mim  ou ti o fogo

que arde e em meu corpo se alastrou

O amor em tua voz minha mente me escravizou

O amado esperado finalmente me encontrou

Neste infinito azul para sempre ficarei

Não seremos dois mas apenas um.

 

 

Dione Fonseca

Deixe uma resposta